Meus Medos…

…deixas-te ficar, na sombra do passado, escondido da turbulência do presente, evitando as vagas do futuro. Deixas que o tempo te passe, te ultrapasse, ficas quieto, estático. Com esse tempo que passa, observas as imagens da vida que arrastas atrás de ti, um filme desfocado pela tua própria velocidade, fotogramas de instantes em que o próprio tempo se suspendeu, uma pausa na agitação da corrida.
Deixas-te ficar, onde o Sol já iluminou o dia, e a noite é exclusivamente o remanescer do que ficou de mais um dia. Sentas-te, como se conduzisses um carro, com a singular diferença de que não te moves, apenas o que está à tua volta se atarefa em passar. Esta viagem, atrás do tempo, oferece-te a possibilidade de rever os momentos, de perceber os tormentos, de sentir de novo, duma forma inversa o que é ir da dor à alegria, da ausência à presença, do vazio ao cheio.
Esperas, nesse regresso à origem, nessa viagem sem movimentos, voltar, ao lugar onde te deixaram, ouvir de novo, e sentir que no seu olhar a esperança de outros tempos, é muito superior á derrota do presente. Voltas, de regresso atrás, ao lugar onde as vossas mãos se separaram pela última vez, para se voltarem a tocar no próximo futuro…

Espero, poder demonstrar-te que não é baixando os braços no presente, que alcançarás no futuro tudo aquilo que já tiveste no passado.
Published in: on Agosto 4, 2008 at 10:21 pm  Comentários (1)  

Mulher e Menina

Sou uma mulher cheia de desejos e uma menina cheia de sonhos

Sou uma mulher que encanta e uma menina que aplaude

Sou uma mulher que anda de saltos altos e uma menina que brinca no baloiço

Sou uma Mulher que luta e uma menina que chora

Sou uma Mulher que acredita em Deus e uma menina que confia no Pai do Céu

Sou uma Mulher que Ama e uma menina inocente

Sou uma Mulher que fica triste e uma menina que dá gargalhadas

Sou uma mulher que luta e uma menina que brinca

Sou uma mulher correcta e uma menina traquinas

Sou uma Mulher que perdoa e uma menina que pede perdão

Sou uma mulher que grita e uma menina que ouve

Sou uma mulher cansada e uma menina que abriga

Sou uma mulher que sobrevive e uma menina que chora de saudades


Sou simplesmente EU, nos erros e nos acertos!

Ás vezes moderna, às vezes tradicional…

Published in: on Julho 4, 2008 at 9:35 pm  Deixe um comentário  
Tags:

Dificuldades

As dificuldades, quando em forma de emoções, pessoas ou situações difíceis, são como plantas a lutar para sobreviver.
Em vez de ignorá-las, precisamos de cuidar delas, acreditando no seu potencial.
Molhe as suas raízes retorcidas com lágrimas de compaixão.
Banhe as suas folhas na luz e no calor do amor incondicional.
Observe a planta crescer forte e saudável para ter flores de beleza e frutos de discernimento.

Published in: on Maio 20, 2008 at 12:55 pm  Deixe um comentário  
Tags:

Querido Avô…

estrela-brilhante123.png

Falar de ti é tão simples

Contudo, muito delicado,

Deixaste-nos…

Foste morar lá no céu!

Tudo em ti eu recordo,

Lembro-me com saudade,

Da tua bondade,

Da tua luta…

Sinto a tua falta avô,

A falta das tuas palavras…

do teu afago…

Foste para mim um exemplo,

De vida… luta e garra…

Hoje choro com saudade

Por não estar ao teu lado,

Sofreste muito eu sei…

Mas, chegou a recompensa

Olho para cima e vejo-te

Naquela estrela brilhante

Com a tua mão estendida

Abençoando-me…

Published in: on Janeiro 15, 2008 at 11:43 pm  Comentários (1)  

Feliz Ano Novo!!

anonovo05.gif

Mais um ano que chegou ao fim, e na beleza das noites iluminadas, os sonhos de muitos corações preparam-se para a viagem à procura das suas realizações, que ocorrerá durante todo o ano vindouro.
A mesma ocorreu no ano que por hora se acaba.
Os sonhos saíram, alguns já voltaram a sorrir e outros, de mãos vazias, aguardam a chegada do novo ano, para seguir numa nova busca.
A realização para os sonhos de alguns, quase sempre, perde-se na metade do caminho, mas, se Deus quiser, ainda terão muitos mais anos para a encontrar.
Desejo do fundo do meu coração que, cada vez que os vossos sonhos seguirem viagem, voltem sempre para as vossas vidas transbordando de realizações.
Que o Natal seja um passaporte para que os seus sonhos embarquem na viagem das realizações do ano novo e que não voltem sem a conquista dos objectivos que motivaram a mesma.
E quando a meia-noite trouxer o Novo Ano para o mundo e os fogos de artifício anunciarem a sua chegada, os nossos sonhos sairão por aí…
Que Deus tome a frente e que nas noites sem luar, as estrelas brilhem mais forte, iluminando o longo caminho.
Que no próximo ano possamos todos esperar a chegada dos nossos sonhos que partiram, comemorando a realização de cada um.

Published in: on Dezembro 31, 2007 at 8:08 pm  Deixe um comentário  

Feliz Natal!!!

christmas.gif

Published in: on Dezembro 21, 2007 at 11:40 pm  Deixe um comentário  

Sonhe com as Estrelas!!!

estrelas1.jpg

Sonhe com as estrelas, apenas sonhe,
elas só podem brilhar no céu.
Não tente deter o vento, ele precisa correr
por toda a parte, ele tem pressa de chegar,
sabe-se lá aonde.
As lágrimas? Elas precisam correr na minha, na sua,
em todas as faces.
O sorriso!
Esse você deve segurar, não deixe ir embora, agarre-o!
Persiga um sonho, mas não o deixe viver sozinho.
Alimente a sua alma com amor,
cure as suas feridas com carinho.
Descubra todos os dias, deixe-se levar pelas vontades,
mas, não enlouqueça por elas.
Abasteça o seu coração de fé, não a perca nunca.
Alague o seu coração de esperança, mas, não deixe
que ele se afogue nelas.
Se achar que precisa voltar, volte!
Se perceber que precisa seguir, siga!
Se estiver tudo errado, comece novamente.
Se estiver tudo certo, continue.
Se sentir saudades, mate-as.
Se perder um amor, não se perca!
Se o achar, segure-o!
Circunda-se de rosas, ama, bebe e cala.
O mais é nada.

(Fernando Pessoa)
Published in: on Outubro 8, 2007 at 8:35 pm  Deixe um comentário  

Sonhos

 

Sonho… só damos conta depois que acordamos, depois que ele acabou…

E ficamos com aquela vontade de sonhar mais um pouco.

Existem pessoas que são um sonho.

Um sonho pelo qual dormiríamos a vida inteira.

Mas o destino vem e acorda-nos violentamente…

E leva-nos aquele sonho tão bom…

Existem pessoas que são estrelas.

Doces, luzes que enfeitam e iluminam as noites escuras das nossas vidas.

Mas vem o amanhecer e rouba-nos

com a sua claridade aquela estrela tão linda.

Existem pessoas que são flores.

Belas e discretas que alegram o nosso caminho.

Mas com o tempo, as flores murcham,

e enchem-nos de saudade da sua cor e do seu perfume.

Existem, finalmente, as pessoas que são maravilhosamente amigas.

Uma amiga doce como o mel de uma flor…

Que desabrochou numa estrela e que veio até nós num lindo sonho!

E ainda bem que são amigas, porque flores, estrelas ou sonhos,

mais cedo ou mais tarde, terminam… mas a amizade…

a amizade verdadeira não termina nunca…

Published in: on Setembro 25, 2007 at 2:33 pm  Comentários (4)  

A ti MF

adeus.jpg

Há um ano que partiste

Deixas-te nos nossos corações um vazio

Agora estás além…

Onde!? Não sei bem!

Mas quero que saibas

Desse lugar desconhecido

Que ninguém sabe onde ou o que é

Que sempre estarás cá!

Mesmo que nunca mais nos encontremos

Estarás sempre presente

Não em carne, mas, em espírito

O céu que mesmo inalcançável podemos ver

A ti não podemos ver

Mas sim, podemos sentir-te perto

Sei que desse lugar estarás sempre a olhar por nós!!

Published in: on Setembro 3, 2007 at 6:57 pm  Comentários (1)  

Semeia a Paz

A paz começa no interior de cada um.

Está dentro de cada alma como uma semente esperando para germinar, crescer e fluir; só precisamos de lhe proporcionar boas condições, um meio-ambiente certo e o tratamento necessário para ela despertar.

Tranquiliza-te e cria as condições certas.

Aquieta-te e dá-lhe oportunidade para criar raízes.

Assim que se sentir estável, continuará a crescer, mas seus tenros rebentos precisam ser ajudados e protegidos com muito carinho.

Portanto, guarda a chave para a paz do mundo dentro de ti.

Não percas tempo com a desordem e a confusão do mundo, mas começa a pôr ordem no teu próprio interior.

Transforma a desordem e a confusão da tua vida em paz, serenidade e
tranquilidade; torna-te membro útil da sociedade e do mundo em que vives.

Começa tu mesmo, num ponto onde sabes que terás sucesso, e depois espalha a paz para fora de ti.

Published in: on Julho 25, 2007 at 1:17 pm  Deixe um comentário  
Seguir

Get every new post delivered to your Inbox.